Pastéis assados de ricota e espinafre


É, gente, tô correndo atrás do prejuízo, e vou te contar, não é mole não. Tem hora que bate um desânimo, mas o jeito é se manter firme e força na peruca. Se bem que quando minha diarista entrou aqui em casa semana passada, a primeira coisa que disse foi que eu estava mais magra, então já me sinto a própria musa da beleza interior.

Mas também não precisa abandonar pra sempre certos prazeres à mesa pra ter uma cinturinha de pilão, a gente sempre pode dar aquele jeitinho brasileiro. Pastel, por exemplo, não precisa fritar, pode assar. Isso não é novidade, ok, mas de que adianta assar o pastel se no recheio você usa linguiça, queijos gordos, e etc? O recheio também tem que seguir a linha, mas sem perder o sabor. E esses pastéizinhos ficaram perfeitos!

Nenhum segredo: prepare o recheio picando bem folhas de espinafre, esmague a ricota com um garfo, coloque um tanto de creme de leite ou requeijão só pra dar um grude, sal e pimenta à gosto. Pegue um disquinho de massa de pastel (eu usei aquela massa redondinha, mas se você tiver aquela de rolo, é só cortar no tamanho que quiser), coloque o recheio no centro e dobre as bordas, formando um pacotinho. Com um ovo batido sele as bordas para não se soltarem e passe em cima do pacotinho também para ficarem douradinhos. Disponha numa assadeira untada e leve ao forno pré-aquecido a 180º coberta com papel alumínio por 15 minutos, depois retire e deixe até ficar como esses da foto.

E se eu contar pra vocês que enquanto eu estava fazendo as fotos, uma mãozinha apareceu sorrateira, pegou um pastelzinho e fugiu?

Reclamei tanto que a Fernanda era ruim pra comer, a danada agora tá devorando TUDO! o/