Suflê de cenoura


Tinha arroz integral e feijão. Tava sem ideia do que fazer com o frango da geladeira. Desisti de pensar e me joguei no suflê – pra quê pensar tanto, se a gente sabe que suflê é sucesso garantido né? Aliás, estou investindo em comidinhas que possam ser servidas em pedacinhos ~espetáveis~ pra aproveitar que o mais novo está descobrindo o mundo dos talheres. Tudo bem que metade vai pro chão, mas né, a gente finge que não vê, com fé em Deus que aos poucos a sujeira vai diminuindo #oremos

  • 5 ovos – claras e gemas separadas
  • 3 colheres de farinha de trigo ou de aveia ou de linhaça
  • 2 colheres de sopa de parmesão ralado
  • sal e pimenta a gosto
  • 2 cenouras raladas
  • 1 colher de sopa de fermento em pó

  1. Bata em uma tigela as gemas com a farinha, o queijo, sal e pimenta, cenoura e fermento
  2. Bata as claras em neve
  3. Misture as claras com a massa de gemas delicadamente – primeiro misture 1/3 das claras para deixar a massa mais leve, quando estiver bem homogêneo, acrescente o restante 
  4. Transfira para um refratário médio untado e enfarinhado e leve ao fonor preaquecido a 200 graus por 30 minutos ou até estar bem douradinho

Este suflê não inflou como os outros, acredito que porque tenha usado farinha de linhaça e também fiz a besteira de misturar a cenoura por último, o que acabou com todo o ar que tinha nas claras em neve. Anyway, a gente sabe que todos os suflês murcham mesmo, né. 

Keep calm and faça este suflê =)