Parabéns!! + Top 10 pelo marido


Oi, aqui é o marido 🙂 Meu nome é Filipe, o sortudo que todos os dias tem o privilégio de comer as maravilhinhas do Cozinha da Magali, hohoho! Assino o post de hoje por uma razão muito especial:

É aniversário de Juliana! Parabéns, meu amor!!

Uma esposa exemplar; feliz quem a encontrar! É muito mais valiosa que os rubis. Seu marido tem plena confiança nela e nunca lhe falta coisa alguma. Ela só lhe faz o bem, e nunca o mal, todos os dias da sua vida.

Seus filhos se levantam e a elogiam; seu marido também a elogia, dizendo: “Muitas mulheres são exemplares, mas você a todas supera”. A beleza é enganosa, e a formosura é passageira; mas a mulher que teme ao Senhor será elogiada. Dai-lhe do fruto das suas mãos, e de público a louvarão as suas obras.

(Provérbios 31:10-12,28-31)

De forma muito simples, quero registrar que ela é a minha vida. Já se vão quase 6 anos que nos conhecemos e ainda não paramos de nos conhecer. Ela é o meu sorriso, desde a manhã até o anoitecer. Ela é forte, mas doce. Linda, mas tímida. Juliana é a amiga mais leal e dedicada que alguém poderia ter. Hoje, e também em nome de nossa filhinha, digo como em todos os demais dias: “Nós AMAMOS você!“.

Mas, como não poderia deixar de ser, vamos falar um pouco sobre… comida! Visto que a única coisa que sei fazer na cozinha é trocar o botijão de gás, resolvi comentar sobre 10 pratos inesquecíveis que Juliana faz. Não é uma lista dos 10 melhores (até porque seria impossível escolher apenas 10). Também a ordem dos pratos não significa nível de gostosura, pois cada um tem seu tchan próprio. Não deixem de experimentar todos eles 🙂

Top 10 do Cozinha da Magali

  1. Farofa de queijo com banana

    Essa farofinha é sensacional e ótima para começar o dia. Em Pernambuco, tem-se por costume preparar um desjejum bastante “carregado”, principalmente no interior do estado. A idéia é dar “sustança” para encarar o restante do dia. Essa farofa reune os principais ingredientes de um típico café-da-manhã pernambucado de forma prática, ideal para quem não tem muito tempo para se alimentar pela manhã. Até consigo lembrar o gostinho da manteiga misturada com o queijo e o doce da banana… Acredite em mim: chegará a hora do almoço e você ainda não estará com fome!

  2. Panqueca integral de aveia e maçã

    Esta receita é ideal para o café-da-manhã do fim-de-semana, quando se tem mais tempo para preparar a refeição. Como a massa leva farinha integral, leite desnatado e açúcar demerara, comemos sem dor de consciência! As panquecas ficam extremamente macias, leves, e o mel jogado por cima dá aquele up na hora de comer. Confesso que adoro quando a massa queima um pouquinho (apesar de Juliana pedir mil desculpas), hehehe!

  3. Homus

    Nunca tinha provado essa belezinha até Juliana preparar um dia. Além de ser maravilhosamente saudável e leve, é uma daquelas comidinhas pra se ter na geladeira e atacar de madrugada! Garanto a você que o homus feito em casa dá de 10 a 0 nos que se vendem prontos por aí. Aliás, tudo que é feito em casa (apesar de dar mais trabalho) é mais saudável e gostoso. Costumamos comer homus com pão sírio no jantar.

  4. Mini salada caprese

    Essa saladinha é o que há! Ideal para pessoas que têm aversão à idéia tradicional de “salada”. Os poucos ingredientes ganham destaque no paladar, sendo que o manjericão é o segredo do prato. O queijo, na minha opinião, pode ser qualqer um. Comi duas dessas na primeira vez que Juliana preparou e não senti vontade de comer mais nada depois, foram suficientes para um almoço. É um prato maravilhoso de se ver e de se comer!

  5. Arrabbiata na cachaça

    Isso aqui é bom demais, valeu o livro do Jamie Oliver! Imagine você sentado na areia da praia, aquela brisa salgadinha no rosto, a água do mar molhando seus pés… É exatamente esse cenário que me vêm à mente quando lembro desse macarrão. Acho que o segredo do prato é a combinação da sardinha com o limão e o queijo parmesão. A pimenta e a cachaça dão o toque especial. Deu fome agora!

  6. Salada de macarrão

    Ai ai… Outra “saladinha-macarronada” deliciosa. Apesar de muito simples de preparar, esse prato é fenomenal. O que mais gosto nele é do azeite impregnado no penne, e o contraste entre os cubinhos: os de tomate bem macios, os de queijo mais durinhos. Se deixar eu como uma panela inteira disso sem nem perceber! O melhor de tudo: você não se sente nem um pouco pesado após comer.

  7. Costela suína ao molho barbecue

    Quando Juliana disse que faria esse prato, confesso que não botei muita fé que ficaria tão bom quanto o do Outback. Sempre que vou lá, é o único prato que peço, e como pra me acabar. Mas não é que a danadinha conseguiu? E, lógico, feito em casa, e por quem você ama, fica ainda mais gostoso! Apesar de barato, é um prato que reservamos para ocasiões especiais aqui em casa (se bem que todo dia tem banquete aqui). Eu adoro contrastes de sabores, e o molhinho barbecue é o segredo do prato, na minha opinião. Gosto dele bem doce!

  8. Omelete espanhola

    Adoro essa omelete por ser um prato nutritivo, leve e apimentado (descobri que adoro pimenta, daí coloco uma porção extra no meu prato!). Adoro o contraste do ovo mais macio com as batatas, além do gostinho da cebola roxa. Comeria uma omelete inteira sozinho! Como ela não fica muito salgadinha, acho que uma regada de molho shoyo por cima também cai bem.

  9. Picanha recheada

    A perdição total! Difícil até descrever a sensação de comer essa picanha… Ela fica com uma capinha crocante e por dentro bem macia e suculenta. Mas a bagaceira completa é o recheio de queijo, linguiça e bacon! É um prato que se come com ansiedade, pois parece que não dá tempo de mastigar bem com gana de comer o próximo pedaço! Nas vezes que almocei no trabalho e levei essa picanha, praticamente fez-se fila para experimentar, hehehe! Simplesmente divino.

  10. Copinhos de chocolate

    Estou numa onda de exercícios e alimentação saudável (culpa de Juliana), mas não poderia deixar de citar pelo menos uma das sobremesas matadoras que ela faz e eu adoro. Esses copinhos são uma delas. Mais uma vez: o contraste do azedinho do limão (e as raspinhas por cima) com o chocolate é o que mais gosto. Outra coisa que também adoro é o fato de se comer tudo, hahaha! Pra quem é guloso como eu, fica a dica: bota um copinho desse todo na boca e morda. A sensação do recheio se espalhando dentro da boca é muito legal! Quanto mais geladinho, melhor.

Ah, e antes que eu me esqueça: também hoje nossa Fernandinha completa 10 meses de vida! Parabéns, minhas meninas lindonas!!