Panquecas de batata com linguiça


Essa panqueca não é enroladinha como aquelas que conhecemos. Ela é gordinha, lembra as panquecas americanas, mas só lembra… ela é salgada, robusta e garante a sustânça da refeição. Pra completar, um molho de linguiça e folhas de coentro pra coroar. Não precisou mais nada pra garantir meu jantar, que foi um dos melhores dos últimos tempos.

Para a panqueca (receita do livro Nigella Express, adaptada) – para duas pessoas:

  • 3 ovos
  • 3/4 de xícara de leite
  • 1/2 xícara de cebola ralada
  • 2 colheres de sopa de azeite
  • 3/4 de xícara de purê de batata instantâneo
  • 1/2 xícara de farinha de trigo
  • 1/2 colher de chá de fermento em pó
  • 1/2 colher de chá de suco de limão (usei vinagre)
  1. Misture em uma vasilha os ovos, o leite, a cebola e o azeite
  2. Junte o purê, a farinha e por último o suco de limão
  3. Misture bem e divida em duas porções
  4. Aqueça uma frigideira média com um pouco de azeite/óleo e coloque uma porção, no fogo baixo e tampe a panela
  5. Quando começar a dourar nas bordas, vire com cuidado e frite do outro lado
  6. Repita o processo, reserve as panquecas

Para o molho de linguiça:

  1. Rale no ralo grosso meia linquiça calabresa (ou duas daquela pequena fininha defumada)
  2. Pique cebola e alho à gosto
  3. Pique uma pimenta dedo-de-moça (com semente para um molho mais picante, sem semente para um molho mais suave)
  4. Refogue tudo em um pouco de azeite/óleo e finalize com molho de tomate
  5. Sirva sobre as panquecas

Eu aprendi a ralar linguiça com a Anna, e viciei.

Acho que as folhas de coentro são a cereja do bolo nessa receita, mas poderia ser cebolinha, salsa… ou nada. Pode tembém usar frango refogado, carne moída, ou a boa e velha “sauchicha“. Tudo super combina, e tudo super fica gostoso. Tudo super.