Polenta mole com cogumelo shitake

Receita de polenta mole com cogumelos para 2 pessoas

Eu amo polenta mole, cremosa, quentinha para uma noite fria.

É um prato completo e substancioso quando ganha sobre ela cogumelos saborosos temperados com shoyu como nesse caso de cogumelo shitake que servi sobre nossa polenta.

Cogumelos são ótimos para substituir a carne vermelha nas refeições. Para essa receita eu escolhi hidratar cogumelos shitake que tinha por aqui, mas você pode substituir por cogumelos frescos a sua escolha. Shimeji são ótimos para isso também. Dessa forma não é necessário a primeira etapa de hidratar os cogumelos, para a água da polenta utilize cabinhos do cogumelo que seriam desprezados para prepara-lo.

O caldo da polenta

Utilizando a água que você utilizou para hidratar os cogumelos, sua polenta terá um sabor suave de cogumelos. Eu tinha pressa por isso não preparei nada além disso, porém, se você estiver com tempo disponível e quer deixar sua polenta ainda mais saborosa prepare um caldo caseiro:

  • Em uma panela adicione a água que utilizou para hidratar os cogumelos
  • Adicione o que tiver disponível, por exemplo aparas de cebola, alho, grão de pimenta do reino, aparas de alho poró, cenoura ou salsão. Um detalhe importante, eu sempre congelo em um saquinho aparas desses ingredientes que seriam descartados, sempre rendem um bom caldo.
  • Deixe esse caldo em fogo bem baixinho por pelo menos 30 minutos, depois coe e utilize o líquido para hidratar a polenta.

Caldos caseiros sempre serão minha prioridade. Caseiro, sem nada artificial e ainda reaproveita aparas. Veja aqui como faço caldos caseiros.

Polenta instantânea x polenta tradicional italiana

Eu já cometi o erro de me enganar no supermercado e comprar a polenta tradicional italiana que leva horas no fogo mexendo intensamente.

De fato a polenta instantânea cozinha em muito menos tempo que a tradicional. Recentemente li no love and lemons uma forma de diminuir esse tempo de cozimento simplesmente processando a polenta tradicional no liquidificador antes de leva-la para cozinhar. Bata no liquidificador a farinha de milho granulada da polenta tradicional aos poucos até que fique fina como a polenta intantânea por exemplo, o resultado é um fubá mais fino que cozinha tão rápido quanto a polenta instantânea.

Problema resolvido. Mas fica a dica que as polentas que cozinham mais rápido tem sempre essa informação bem clara no rótulo, normalmente escrito instantâneo como essa da divella.

Polenta mole com cogumelo shitake

Pitadinha
Polenta com cogumelo para 2
Prep Time 10 mins
Cook Time 40 mins
para hidratar o cogumelo 30 mins
Servings 2 pessoas

Ingredients
  

  • 40 g de shitake seco inteiro
  • 1 xícara (de chá) de fubá
  • 1/2 xícara (de chá) de shoyu
  • 1/2 und de cebola picada
  • QB Sal e pimenta a gosto
  • Água quente suficiente para cobrir os shitakes
  • 1 fio de Azeite para refogar
  • 2 colheres (de sopa) de manteiga

Instructions
 

  • Primeiro coloque o shitake na água quente para hidratar por pelo menos 30 minutos
    40 g de shitake seco inteiro, Água quente suficiente para cobrir os shitakes
  • Retire o shitake e reserve a água
  • Fatie os cogumelos em fatias finas, despreze o cabinho
  • Aqueça uma frigideira ou panela grande com azeite e refogue metade da cebola e as fatias de shitake
    1 fio de Azeite para refogar, 1/2 und de cebola picada
  • Adicione o shoyu, misture, tampe a panela e mantenha em fogo baixinho olhando o ponto de vez em quando, quando eles estiverem bem macios, pode apagar o fogo e adicionar 1 colher de sopa de manteiga
    1/2 xícara (de chá) de shoyu, 2 colheres (de sopa) de manteiga
  • Coe a água onde os cogumelos estavam de molho e reserve 3 xícaras
  • Em uma panela refogue o resto da cebola picada e adicione o caldo de shitake
    1/2 und de cebola picada
  • Tempere a água com sal e pimenta a gosto e deixe ferver
    QB Sal e pimenta a gosto
  • Assim que levantar fervura adicione o fubá mexendo o tempo todo, mantenha em fogo baixo e cozinhe (mexendo sempre) por 15-20 minutos até adquirir a consistência desejada: polenta mais molinha, mais durinha espere ela começar se desprender da borda e conte 3 minutos depois disso
    1 xícara (de chá) de fubá
  • Monte dividindo em 2 pratos a polenta e cubra com o cogumelo

Dicas úteis para sua polenta mole:

Posso preparar a polenta no dia anterior?

Sim, você pode. Mas a polenta muda completamente de textura de um dia para o outro, ela não será tão cremosa como a polenta mole servida quentinha assim que pronta. Se isso não for um problema para você, não tem problema em preparar no dia anterior.

Certifique-se de esperar esfriar completamente e depois cobrir a travessa com plástico filme. Armazene na geladeira em recipientes separados o cogumelo e a polenta.

Para reaquecer temos duas alternativas: Aquecer a polenta em microondas, sendo assim ela continuará mais durinha como a textura que acaba de sair da sua geladeira ou então levar a polenta para a panela com um pouco de caldo, enquanto aquece mexa bastante até que todos os grumos se dissolvam e a polenta fique cremosa e lisinha. Acredito que essa alternativa seja tão trabalhosa como preparar a polenta na hora. Quando preciso fazer a polenta com antecedência só aceito que terei uma polenta menos cremosas e aqueço no forno ou mesmo no micro-ondas.

Os cogumelos podem ser feitos com até 3 dias de antecedência e guardados em um recipiente hermético na geladeira. Reaqueça em uma frigideira até ficar quente e borbulhando antes de servir. Da mesma forma, as sobras de polenta podem ser mantidas na geladeira e reaquecidas no micro-ondas até ficarem quentes.

Versão vegana

É muito fácil transformar essa receita de polenta mole com cogumelos em uma versão vegana. Uma vez que o único ingrediente de origem animal é a manteiga substitua na receita por azeite na mesma proporção.

Onde encontrar polenta instantânea?

Na verdade a maioria das marcas de polenta que encontramos no supermercado é de polenta instantânea.

Somos afiliados da amazon brasil e abaixo deixo algumas sugestões de polenta instantânea que encontrei por lá:

Outras sugestões para a polenta:

Não gosta de cogumelos? Tem alguma restrição? Ou simplesmente quer adicionar outro sabor para a cobertura da sua polenta? Tenho aqui algumas sugestões que funcionam bem:

Outra sugestão é rechear A POLENTA COM QUEIJO. Coloque no prato metade da polenta, sobre ela queijo ralado que derrete como por exemplo muçarela, cubra com a polenta e só então cogumelos. É sempre delicioso encontrar o queijo derretido em cada colherada.

A história de dia dos namorados por trás dessa polenta mole:

Quem já teve um bebê novinho em casa sabe que as refeições viram uma verdadeira incógnita. Você nunca sabe se vai conseguir comer junto com todo mundo, ou se por acaso o bebê estiver dormindo e você começar a refeição, a qualquer momento pode ser que ele acorde e você precise parar tudo e ir acudir a cria. Domingo eu tive a doce ilusão de que poderia preparar um jantarzinho especial pra eu e o maridón, afinal, era dia dos namorados. Servi a comida dos mais velhos, enchi a pança do bb de leite, e fui pra cozinha preparar esta receita que é super rapidinha e tem cara de comida de restaurante hohoho. 

Expectativa: o bebê ia dormir no colo do pai, colocaríamos ele no berço, os outros dois na cama e nós dois poderíamos terminar o dia apreciando uma comida quentinha, tomando uma taça de vinho…

Realidade: Pedro choramingou o tempo todo e eu jantei segurando ele com uma mão e o garfo na outra. 

Em outros tempos eu ficaria bem chatiada por meus planos não darem certo. Mas a esta altura do campeonato eu bem sabia que aquela cena da minha cabeça tinha zero chances de acontecer. Por isso nosso jantar foi exatamente como tinha que ser: gostoso, quentinho, com nossos rebentos ao nosso redor. Talvez o nosso grande problema seja alimentar expectativas irreais e deixar de apreciar o que nós temos hoje, ao alcance das nossas mãos. Às vezes a gente só aprende isso no terceiro filho =)

O fato é que esta quantidade da receita serve bem duas pessoas, é fácil e rápida de fazer e faz bonito que só. Aposto que você vai amar, comendo sozinho(a) ou acompanhado(a), ouvindo música romântica, pagode ou chorinho de nenê:

… Neste dia deixei mais mole mesmo, pois no prato, ao esfriar, ela endurece um pouquinho

Monte o prato como na foto: polenta em baixo, cogumelos em cima

Pensando bem, pagode não combina muito não, escolha outra coisa pra ouvir ok?